Sexualidade

Sexo com Esther, remédios para a importencia masculina – Saúde – Vida

Rate this post

Se há algo que os senhores lhe temem é que o seu melhor amigo-lhes jogue uma má passada, justo no momento em que mais precisam. Nada mais frustrante e preocupante para eles que o abandono temporário ou permanente da rigidez de seus chifres, ao ponto de que são capazes de dar tudo em troca de evitar esta tragédia.


Untos, poções, pastilhas, magias, orações, todos são bem recebidos, se oferecem dureza suficiente e oportuna.


Em segredo lançam mão do que for, sem reparar em efeitos adversos, e menos em preços. Daí que as ofertas de produtos contra a impotência sejam tão abundantes como estranhas, e até inofensivas.


O certo é que muito poucos passam por um rigoroso filtro da evidência científica. No entanto, há dois que vale a pena referenciárselos e que, tenho certeza, muitos não demorarão em aplicárselos com avidez.


Gostaria de esclarecer que aqui não estão as pastilhas tipo viagra e seus familiares, pois elas caem no campo de farmacologicamente testado, mas sim estes produtos que ainda estão na cozinha.


Gostaria de começar por banal café, porque é que um estudo feito na Universidade do Texas, nos Estados Unidos, revelou que os senhores que tomam entre dois e três xícaras de café por dia têm menos chances de que seu melhor amigo está desgonce.


Ao que parece, a cafeína lhes relaxa as artérias e o músculo liso dos corpos cavernosos do referido apêndice, o que lhes aumenta de forma substancial o fluxo de sangue e, com ela, a consistência desejada.


Ao colocá-lo em números, a melhoria pode ser um 42 por cento, algo que, sem dúvida, para eles, é bem-vindo, especialmente em tempos de escassez.


Na mesma linha, diversos estudos têm comprovado que o alho pode reduzir o colesterol e controlar a pressão arterial, dois inimigos diretos da cama porque são causas diretas da impotência.


Dizem os que sabem que a ingestão diária desta planta, além de endireitar o venerado órgão, prolonga a duração do pó, porque elimina, de passagem, a ejaculação precoce. Agora, os magos não dizem absolutamente nada sobre o mau hálito, por isso que não sobra sugerir as encamadas no total mudez.


Um dente de alho ou dois, durante um mês e depois, um dia que tenha planejado aquilo, é a receita que recomendam em casos graves de apatia peneana. Dose que eu gostaria de transmitir, com a certeza de que não há nenhum dano.


Agora, não me culpem, senhores, se a sua respiração coloca em evidência frente a seus pares as deficiências do departamento inferior do corpo.


Bom, não sobra dizer que também foi testado o exercício regular, não fumar, a boa alimentação, a diminuição do estresse e o sexo frequente, como bons aliados das ereções, por isso que não sobra que complementem com eles, os seus copos de café e os dentes de alho.


Não sobra, nos casos de sonolência total de seu melhor amigo, que o levem de visita ao médico. Até Logo.


ESTER, POIS, BALAQUE
Para O TEMPO