terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Faxina na nécessaire



Que tal começar o ano renovando seu estoque de cremes, maquiagens e outros produtos de beleza e higiene? Não, não é só para deixar tudo de velho para trás e começar o ano do zero, a questão são os riscos que esses cosméticos podem oferecer a sua saúde, se ficaram com o prazo de validade no ano que passou.

Muitas pessoas ficam relutantes em jogar fora aquele creme importado só usado em ocasiões especiais, para não desperdiçar, ou aquela base caríssima que deixa a pele aveludada e perfeita. E resolvem ignorar a data de validade para evitarem a perda. Mas tenha certeza que ela será bem maior com o uso desses produtos “passados”. Não é só comida que estraga, os produtos de higiene e beleza são suscetíveis a sofrerem contaminação por bactérias e fungos, favorecida pelo contato do produto com o ar. Segundo a química Vanessa Maiolla, isso acontece mesmo com os conservantes, pois, após o prazo de validade, eles perdem seu efeito e estabilidade. “Possibilitando assim a contaminação do cosmético por microorganismos”, explica.

O resultado: irritações na pele, que vão de vermelhidão a infecções e alergia, principalmente na área dos olhos - nesses casos o uso do produto, como lápis, rímel e sombra vencidos, pode até ocasionar uma conjuntivite, afirma a dermatologista Daniela Leal. “E se já houver alguma lesão, como machucados e espinhas, as conseqüências podem ser ainda piores”, alerta a médica.

Por isso é bom sempre conferir a validade do produto, tanto os que já possui em casa, como os que vai comprar. Todo rótulo de produto, segundo o Código de Defesa do Consumidor, deve fornecer informações - de forma correta, clara e legível – não só sobre a validade, mas também referentes à qualidade, quantidade, preço, garantia, origem e riscos do produto a saúde e segurança do consumidor.

Uma alternativa para não perdermos a noção de durabilidade do produto após jogarmos a caixa fora é colocar a data em uma etiqueta. Mas se você esquecer, pode prestar atenção nas mudanças de características do produto. De acordo com a química Vanessa, os indicadores de que o hidratante, shampoo ou maquiagem devem ser trocados são: alteração da cor ou cheiro do produto, mudança de consistência (cremes, protetor solar, loções) e na textura (lápis de boca e olhos), endurecimento (no caso de rímel, lápis, pó) e borda escurecida (base).

Então fique atento e deixe o bom senso prevalecer no lugar do pesar, pois você poderá se lamentar em dobro depois. Aproveite o início do ano para dar uma faxina na sua nécessaire e ver o que pode ser usado e o que deve ir direto para a lata de lixo, sem dó.

3 comentários:

  1. Eiiii !!!
    Amei seu blog, depois da uma passadinha no meu e me segue rs
    Beijoks

    ResponderExcluir
  2. Eu fico mesmo, não vou negar, dou uma olhadinha neles e sempre morro de pena de me desfazer de meus produtinhos, mas pra não ficar com cara de casco de tartarga obrigada pelo post, me lembrou o que tenho que fazer.

    ResponderExcluir
  3. Ótimo post!
    Realmente, as vezes a gente esquece de ver a data de validade, principalmente quando usa pouco aquela make e acaba descuidando.
    Valeu pelas dicas :)

    beijinhos ;*
    http://noostillo.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Olá, seja bem vinda! O que achou do post? Este cantinho também é seu, sinta-se à vontade para comentar, perguntar, sugerir ou mesmo criticar... Um grande beijo!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...